Logomarca Sesc
Piauí
eskort alsancak escort izmir fantezi escort bayan escort izmir

Administração

Veja abaixo as últimas notícias relacionadas ao programa Administração:

Presidente da Fecomércio Piauí critica descumprimento de bancos em conceder créditos emergenciais a empresários

vacarl

 

Uma das maiores instituições financeiras do país, o Banco do Brasil, estaria descumprindo orientações do ministro da Economia, Paulo Guedes, em conceder créditos do Fundo Emergencial aos médios e pequenos empresários. A denúncia é feita pelo presidente do Sistema Fecomércio Sesc Senac no Piauí e vice-presidente da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), Valdeci Cavalcante.

Em carta circular endereçada aos empresários piauienses, na manhã desta quarta-feira (8), Valdeci Cavalcante, questiona o fato do governo federal envidar esforços para atender a população, sobretudo os pequenos e médios empresários, e os bancos não estarem solidários com a classe empresarial. “Os empresários necessitam de capital de giro para reativar seus negócios e manter os empregos, mas sentimos que os bancos não estão colaborando”, enfatiza o presidente da Fecomércio Piauí.

Cavalcante lembrou a fala do ministro Paulo Guedes ao mencionar que as empresas sempre recolheram impostos e que “pela primeira vez 3,2 milhões de pequenas empresas, que sempre recolheram impostos e que eram chamadas pela Receita (Federal) para pagar, agora estão sendo chamadas pela Receita para receber dinheiro”. Os recursos são viabilizados através de empréstimos de até 30% do faturamento médio mensal dos últimos 12 meses. A medida deve injetar R$ 15,9 bilhões a mais e R$ 20 bilhões do Fundo Emergencial (FGI) para a média empresa, podendo as cifras chegarem a R$ 100 bilhões.

No documento, o presidente da Fecomércio Piauí questiona as ações do Banco do Brasil, que vem descumprindo o ordenamento do governo federal tanto em selecionar empresas para contraírem empréstimos, que além de dificultar a concessão da linha de crédito estaria concedendo, valor máximo referente a 3% do faturamento médio dos últimos 12 meses, percentual bem aquém do anunciado pelo governo, que seria de 30%.

 

CNC realiza pesquisa entre os empresários para apresentar programa de retomada da economia

drva 1

 

A Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) está realizando um levantamento com os empresários do país para orientar as propostas do Programa de Retomada da Economia do Comércio Brasileiro, que a entidade apresentará ao governo federal. O programa prevê propostas no âmbito trabalhista, tributário e jurídico.

O objetivo da pesquisa é identificar as expectativas dos empresários quanto à gradual retomada da economia do país. De acordo com o presidente da Fecomércio Piauí, Valdeci Cavalcante, o resultado vai servir para embasar as ações que a Confederação Nacional do Comércio (CNC) apresentará como novas medidas para o setor terciário, a fim de mitigar os impactos da pandemia do Covid-19.

 

drva 2

 

O levantamento avalia os aspectos que mais impactam negativamente no desenvolvimento das empresas, como tributos, as atividades, folha de pessoal e empréstimos.

Também avalia o impacto de medidas como parcelamento da rescisão do contrato de trabalho, prorrogação das medidas que autorizam a redução da jornada e dos salários e a suspensão temporária do contrato de trabalho, correção dos débitos trabalhistas para aplicação da TR e recontratação do trabalhador dispensado sem carência e com diferente remuneração. Avalia, ainda, a flexibilização da legislação trabalhista para manutenção dos empregos e empresas

A CNC quer saber a opinião dos empresários em relação às ações importantes que devem ser implementadas para retomada da economia como a postergação de tributos, linhas de créditos facilitadas (com juros subsidiados), programa de incentivo tecnológico para as atividades empresariais, com investimentos do Estado, parcelamento judicial de dívidas trabalhistas e Programa de Recuperação Fiscal (Refis).

Valdeci Cavalcante assume 1ª Vice-Presidência da CNC

posse 1

O empresário e advogado Valdeci Cavalcante assumiu a 1ª Vice-Presidência da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). A posse da nova diretoria da CNC aconteceu na última segunda-feira (19) no Rio de Janeiro, tendo como Presidente da entidade o empresário amazonense José Roberto Tadros, com mandato até novembro de 2022.

Uma das frentes de atuação da nova Diretoria será a defesa de um dos maiores sistemas de desenvolvimento social do Brasil – o Serviço Social do Comércio (Sesc) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) –, além da ampliação do atendimento às populações mais carentes e longínquas do território nacional.

Francisco Valdeci de Sousa Cavalcante nasceu em Parnaíba, em 1952. É formado em Direito pela Universidade Federal do Piauí (UFPI) e em Técnicas Comerciais. É pós-graduado em Direito do Trabalho, Administração de Recursos Humanos e Planejamento Educacional, empresário do setor do Comércio de Bens, Serviços e Turismo e professor universitário.

Atualmente, ocupa a presidência do Sistema Fecomércio-PI/Sesc/Senac/IFPD, é também membro dos Conselhos Nacionais do Sesc, Senac e CNC, do Conselho Estadual do Sebrae PI e membro venerável da Maçonaria, dentre outros cargos.

 

posse 3

 

A nova Diretoria da CNC tem a seguinte composição:

 Diretoria – Efetivos

 Presidente: José Roberto Tadros (AM)

 1º Vice-Presidente: Francisco Valdeci de Sousa Cavalcante (PI)

 2º Vice-Presidente: Luiz Carlos Bohn (RS)

 3º Vice-Presidente: Lázaro Luiz Gonzaga (MG)

 Vice-Presidente Administrativo: Luiz Gastão Bittencourt da Silva (CE)

 Vice-Presidente Financeiro: Leandro Domingos Teixeira Pinto (AC)

 Vice-Presidentes: Abram Abe Szajman (SP), Darci Piana (PR), Edison Ferreira de Araújo (MS), José Arteiro da Silva (MA), José Lino Sepulcri (ES), José Marconi Medeiros de Souza (PB), Josias Silva de Albuquerque (PE), Raniery Araújo Coêlho (RO)

 1º Diretor Administrativo: Marcelo Fernandes de Queiroz (RN)

 1º Diretor Financeiro: Marco Aurélio Sprovieri Rodrigues (SP)

 2º Diretor Administrativo: Antônio Florêncio de Queiroz Júnior (RJ)

 2º Diretor Financeiro: Ademir dos Santos (RR)

Diretores: Abel Gomes da Rocha Filho (SE), Aderson Santos da Frota (AM), Aldo Carlos de Moura Gonçalves (RJ), Alexandre Sampaio de Abreu (FNHRBS), Ari Faria Bittencourt (PR), Carlos de Souza Andrade (BA), Edgar Segato Neto (Febrac), Eliezir Viterbino da Silva (AP), Hermes Martins da Cunha (MT), Itelvino Pisoni (TO), Ivo Dall’Acqua Júnior (SP), Jeferson Furlan Nazario (Fenavist), José Wesceslau Júnior (MT), Marcelo Baiocchi Carneiro (GO), Marcos Antônio Carneiro Lameira (AC), Maurício Cavalcante Filizola (CE), Sebastião de Oliveira Campos (PA)

Conselho Fiscal – Efetivos: Domingos Tavares de Sousa (TO), Lélio Vieira Carneiro (GO), Valdemir Alves do Nascimento (AC)

Sobre a CNC

A Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), fundada em 4 de setembro de 1945, é a instituição sindical que representa 5 milhões de empresas do comércio de bens, serviços e turismo, segmentos que, juntos, respondem por cerca de 1/4 do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro e geram aproximadamente 25,5 milhões de empregos diretos e formais.

A CNC trabalha de forma integrada com 34 Federações (27 estaduais e sete nacionais), que agrupam mais de mil sindicatos empresariais. A Confederação administra também um dos maiores sistemas de desenvolvimento social do Brasil – o Serviço Social do Comércio (Sesc), com atuação nas áreas de Educação, Saúde, Cultura e Lazer, e o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac), principal agente da educação profissional voltada para o setor do comércio de bens, serviços e turismo.

Analistas de Planejamento do DN avaliam Elaboração do Plano Estratégico do Sesc Piauí

planSITE

Foi concluída na manhã desta sexta-feira (15) a Semana de Elaboração do Plano Estratégico do Sesc Piauí para o biênio 2019/2020.

As analistas de planejamento do Departamento Nacional do Sesc, Patrícia Menezes e Tamiris Morais, estiveram em Teresina para participar da Semana e coordenar as ações de cooperação técnica em apoio à construção do Plano Estratégico do Sesc Piauí.

De acordo com as analistas o encontro superou as expectativas. “Foram dias muito produtivos. Pudemos sentir um engajamento da equipe e um compromisso com os trabalhos. Todos puderam perceber, não apenas na teoria, mas também na prática, como o planejamento pode beneficiar as atividades do dia a dia e a visão a longo prazo do Sesc Piauí”, disse Patrícia.

Sobre a importância do planejamento estratégico para o bom desempenho das atividades nas unidades do Sesc, elas foram unânimes em afirmar que planejamento traz foco e prioriza ações para os envolvidos. “Elaborar um plano participativo possibilitou que todos pudessem contribuir para a construção do plano que vai orientar o Sesc Piauí nos próximos dois anos. Trabalhamos aqui o Efeito Cascata, que fala do todo e suas partes, e como é indispensável a integração das unidades do Piauí para que tudo corra bem. Um orientador em comum potencializa a comunicação e as chances de alcançar os objetivos que a instituição deseja”, disseram elas.

Na avaliação das analistas o Diagnóstico de Situação do Departamento Regional do Piauí indicou condições favoráveis para um crescimento equilibrado, devendo ter atenção especial na melhora dos pontos fracos que ficaram evidentes.

Durante os quatro dias de evento algumas dinâmicas de grupo foram realizadas, possibilitando que os participantes vivenciassem na prática atividades de planejamento estratégico. “As dinâmicas promoveram uma melhor absorção dos conteúdos e compreensão de conceitos, além de causar uma boa integração entre os colaboradores, que puderam trocar experiências”, disse Patrícia.

“Maior que o desafio de planejar é o desafio de implantar, acompanhar e avaliar o Plano. Dessa forma, ficamos satisfeitas em perceber que todos compreenderam que planejamento é um exercício diário e que todos devem estar sempre empenhados, todos os colaboradores, de todos os níveis, para que os objetivos do Plano sejam alcançados, pois o impacto dele também acontece em todos os níveis”, finalizou Tamiris.

Nota de Esclarecimento

notainra

Em virtude de nota inverídica que circula nas redes sociais sobre suposta contratação de pessoas com necessidades especiais, o Sesc Piauí vem a público informar que tais contratações não estão ocorrendo.
Cabe esclarecer que o Sesc Piauí realiza contratações de pessoas com deficiência por meio de processos seletivos, mas ratifica que no momento tais contratações não estão sendo realizadas.

                                                                          Direção Regional do Sesc

Pagina 1 de 8

Editais

Ações

Parceiros

çeviri malatya oto kiralama parça eşya taşıma şehirler arası nakliyat Malatya havalimani oto kiralama ofis taşıma evden eve nakliyat büyü aşk büyüsü ayırma büyüsü medyum medyum şikayetleri medyum yorumları büyü aşk büyüsü bağlama büyüsü medyum dolunay medyum aşk büyüsü medyum medyum şikayetleri medyum yorumları metal galvanizli sac paslanmaz sac metal hrp sac paslanmaz çelik seo web tasarım hazır web sitesi astropay bozdurma papyonshop sex shop istanbul sex shop astropay kart bozdurma depolama viagra sipariş cialis 20 mg