Logomarca Sesc
Piauí

Sesc Centro traz à Teresina filmes inéditos na Mostra Nacional

movie

O Sesc Centro realiza na próxima quarta-feira (14), a partir das 8h30, a Mostra Nacional de Cinema, com filmes inéditos selecionados para participar das mostras estaduais e que foram escolhidos para estarem na exibição nacional. A Mostra acontece no Auditório Álvaro de Melo Salmito, no Sesc Centro.

O filme “A piscina de Caíque”, do diretor goiano Raphael Gustavo da Silva, vai abrir a Mostra Nacional como parte da categoria de filmes infanto-juvenis. O curta tem duração de 15 minutos e classificação livre.

A exibição à tarde inicia às 14h com o filme “Fantasia de Índio”, da diretora pernambucana Manuela Andrade, na categoria de filmes jovens adultos.

Confira abaixo a programação completa:

Categoria: Filmes Infanto-juvenis – Início às 8h30

  • A Piscina de Caíque – Classificação livre – 15 min - 2017 – Goiânia (GO)

Direção e roteiro: Raphael Gustavo da Silva

Sinopse: Sonhando em ter uma piscina, Caíque e seu amigo inseparável se divertem escorregando no chão molhado e ensaboado da área de serviço. Por causa do desperdício de água, Caíque acaba criando problemas com sua mãe.

  • O menino leão e a menina coruja - Classificação livre – 16min05s2017 - Brasília (DF)

Direção: Renan Montenegro/Roteiro: Elias Guerra

Sinopse: Esse é o universo das pessoas-animais, seres que misturam características humanas com as de outro animal. Quando filhotes, eles precisam estudar na Escola Filhote Selvagem, um lugar onde o aprendizado vai muito além da sala de aula.

  • Garoto VHS – Classificação livre - 19min54s - 2016 - Jaraguá do Sul (SC)

Direção: Carlos Daniel Reichel/Roteiro: Carlos Daniel Reichel e Rodrigo Batista

Sinopse: Um garoto que no lugar da cabeça possui uma câmera VHS com a qual registra seu cotidiano decide revisitar seus registros para presentear Roberta com uma memória que parecia para sempre perdida.

Categoria: Filmes jovens adultos – Início às 14h30

  • Fantasia de Índio – Classificação livre – 17 min – 2017 – Recife (PE)

Direção e roteiro: Manuela Andrade

Sinopse: Desde criança, ouvia minha mãe falar da minha ascendência indígena. Há duas décadas meu tio materno foi ao encontro dos xucurus. À procura de rastros desse passado, resolvi dar continuidade a essa busca.

  • Galeria RUA – Classificação 10 anos – 16min54s – 2017 - Teresina (PI)

Direção e roteiro: Jonathan Dourado

Sinopse: O documentário Galeria RUA tenta compreender o sentido dos artistas urbanos ao expressar nas paredes e muros da cidade seus pensamentos, singularidades e empoderamentos. Qual a real mensagem está codificada nas pichações e grafites? Quem são essas pessoas e para que fazem isso? Pichação é arte ou crime? O filme dá voz aos próprios autores, que mostram os pontos dentre as duas temáticas, suas diferenças e semelhanças e como acontece a transmissão dessa comunicação na construção da rua como sua galeria a céu aberto.

  • Cosme – Classificação livre - 13min43s – 2016 - Porto Alegre (RS)

Direção e roteiro: Luciano Scherer

Sinopse: Thiago Médici é Cosme, um cantor e compositor que ninguém ouviu.

  • Flecha Dourada - Classificação livre – 15min – 2017 - Florianópolis (SC)

Direção: Cíntia Domit Bittar/Roteiro: Maria Augusta V. Nunes e Cíntia Domit Bittar

Sinopse: Entre socos e paneladas, os lutadores do grupo Flecha Dourada voltam ao ringue depois de 50 anos para reviver a era gloriosa do catch catarinense.

 

 

Editais

Ações

Parceiros