Logomarca Sesc
Piauí

Apresentações Artísticas

Coral da UFPI apresenta concerto no Sesc Partituras

 coralufpi

 

O coral da Universidade Federal do Piauí apresenta concerto do Sesc Partituras na noite de sábado (13/06). A apresentação será a partir das 19h30, na paróquia de São Sebastião, no bairro Todos os Santos, em Teresina.

O Sesc Partituras realiza concertos com programação sistemática, contemplando todas as regiões do país. A ideia é promover o acesso e a vivência musical através da apreciação do repertório de um acervo de obras originais de compositores brasileiros de várias gerações.

Os concertos apresentam obras originais de interesse histórico, editoradas e catalogadas por especialistas constantes na plataforma digital Sesc Partituras www.sesc.com.br/sescpartituras

 

Sobre Coral da UFPI

Formado por alunos, ex-alunos da Universidade Federal do Piauí e pessoas da comunidade, o Coral da UFPI foi fundado no início dos anos 80 pelo professor Luís Botêlho Albuquerque. Tendo como regente Aurélio Melo. Em agosto de 2014 foi criado o projeto Vozes do Campus/Coral da UFPI.

O projeto do Coral é executado na Pró-reitoria de Extensão através da Coordenação de Ação Comunitária e Cultural.

 

 

 

São João do Sesc Piracuruca reúne mais de 5 mil

 

 

 pirra 6

Um espetáculo de brilho e emoção marcou a segunda noite de apresentações de quadrilhas no São João do Sesc Piracuruca. A junina Matuta, da cidade de Batalha apresentou o espetáculo “Antes que o dia amanheça” com seus 68 dançarinos em quadra. Mais de 3 mil pessoas foram ao Sesc Piracuruca assistir as apresentações das quadrilhas. Perto de 5 mil pessoas assistiram as apresentações das quadrilhas no Sesc.

pirra 5

 

A quadrilha São João Dourado, de Piripiri, abriu a segunda noite de apresentações. Com 70 componentes, a junina apresentou o tema “Deixe-se guiar”. Em seguida, a quadrilha Balancê, também de Piripiri entrou em quadra com seus mais de 60 componentes.  Este ano, a quadrilha foi eleita a oitava melhor quadrilha do Piauí pela Federação Piauiense de Quadrilhas. A Balancê defendeu o tema “Esperança para que nunca nos falte fé”.

pirra 8

A terceira quadrilha a se apresentar foi a junina Velha Guarda, de Piracuruca, com 46 dançarinos, unidos para se divertir e matar a saudade das tradicionais festas de São João. Em seguida, o Boi Buriti, da cidade de Tutóia (MA), apresentou a saga do boi, mantendo a tradição do boi do Maranhão.

pirra 13

A quadrilha Sensação Nordestina, também de Piracuruca, se apresentou no São João do Sesc.

Por volta das 23h a quadrilha Matuta, do município de Batalha, fechou o São João do Sesc com o show empolgante que encantou o público no Sesc Piracuruca.

pirra 15

O São João do Sesc Piracuruca é a maior festa da cidade. Este ano se apresentaram 11 quadrilhas, nos dois dias de festa no Sesc, que concentraram cerca de 5 mil pessoas. A gerente do Sesc Piracuruca, Mila Rodrigues, atribui o sucesso do evento ao empenho da equipe do Sesc. “Quando a gente faz o trabalho com amor e dedicação, o resultado é extraordinário”, enfatiza  Mila Rodrigues.

pirra 7

 

pirra 15

 

Quadrilhas e grupos folclóricos no São João do Sesc Piracuruca

 

 

 Piracur 1

Perto de 2 mil pessoas foram ao Sesc Piracuruca, na noite desta quinta-feira (27), nas abertura da Festa Junina do Sesc.  Com roupas coloridas e brilhantes cinco quadrilhas da cidade apresentaram espetáculo de dança e muita energia na quadra no Sesc. A noite teve também apresentação de grupo folclórico da cidade.

 

Piracur 7

Segundo a gerente do Sesc Piracuruca, Mila Rodrigues, o São João do Sesc já se consolidou no calendário da cidade. “Estamos realizando a quarta edição do  nosso São João e a cada ano ele cresce em estrutura, em participação e quadrilhas que vem de outras cidades e até outros estados para participar”, estaca Mila Rodrigues.

Piracur 2

O São João no Sesc é considera a maior festa da região no período junino. São dois dias de festa. Na primeira noite se apresentam as quadrilhas das escolas públicas e particulares de Piracuruca. Na segunda noite o espetáculo junino fica por conta das quadrilhas tradicionais da cidade dos municípios da região como a esperada Junina Matuta, da cidade de Batalha, o Boi Buriti, da cidade de Tutóia (MA), as quadrilhas Balancê e São João Dourado, de Piripiri, além das quadrilhas de Piracuruca.

Piracur 3

“Esta é uma festa que o Sesc realiza para os trabalhadores do comércio e para o público em geral nesse período de festividades juninas”, enfatiza a gerente do Sesc Piracuruca. Além das apresentações culturais, o São João do Sesc tem as tradicionais comidas típicas, vendidas na barraca do clube. Um dos atrativos da noite são as bandas locais que se apresentam nas duas noites de festa.

Para esta segunda noite são aguardadas mais de 3 mil pessoas.

Piracur 9

NE das artes discute hábitos e práticas culturais

Rittane 4

 

Uma das maiores estudiosas da Dança da Bahia está no Piauí. A professora doutora Rita Aquino é para ministrar a palestra “Como fazer juntos? Práticas colaborativas em mediação cultural”, no Fórum Regional Nordeste das Artes, que acontece de 27 a 29 de maio no Sesc Administração Regional, em Teresina.

O evento reúne diretores regionais, diretores de programas sociais, gerentes e coordenadores de Cultura dos regionais do Sesc dos nove estados do Nordeste.

 

Rittane 5

Rita Aquino é doutora em Artes Cênicas, mestre em Dança, especialista em Estudos Contemporâneos em Dança e professora dos programas de Pós Graduação em Dança da Universidade Federal da Bahia. Ela é co-organizadora do Seminário Internacional de Curadoria e Mediação em Artes Cênicas, coordenadora do projeto de Mediação Cultural: uma cartografia do Palco Giratório 2018, nos estados do Amazonas, Minas Gerais, Santa Catarina, Rondônia, Mato Grosso, Rio Grande do Norte e no Sesc Parati (RJ).

 

Rittane 2

 

No painel, mediado pelo especialista em gestão cultural, Francisco Castro, também participou o membro do Conselho Municipal de Cultura, o técnico em Gestão Cultural, Jairo Araújo, que discorreu sobre “Políticas Públicas de Cultura e Práticas Culturais no Nordeste – Retrospectiva e Provocações sobre o Brasil Recente”.

 

Rittane 3

Fórum discute futuro da Cultura no Nordeste

 

Neneart 3

 

A cultura nordestina em destaque no Fórum Regional Nordeste das Artes, evento que acontece de 27 a 29 de maio no SESC Administração Regional. O Fórum é aberto ao público e traz ao Piauí nomes de destaque no cenário da Cultura no país.

Representantes dos nove estados nordestinos participam do Fórum Nordeste das Artes. Na abertura, o diretor Regional do SESC no Piauí, Jesus Enrique Fernandes, enfatizou que o Nordeste está transformando o sonho em realidade ao promover discussões em torno de temas atuais da Cultura.

Neneart 1

“A cada ano vamos aprimorando as ações do Nordeste das Artes para mostrar o potencial da cultura e dos nossos artistas”, saliente Jesus Fernandes, ao lembrar que o intercâmbio dos artistas é importante para fomentar a cultura.

Serão três dias de discussões painéis que trazem ao Piauí gestores culturais, pesquisadores e estudiosos da área para abordarem temas da atualidade. O painel de abertura aconteceu na tarde desta segunda-feira (27) com a temática “A Cultura na Agenda Política”, com a palestra homônima da gestora cultural, Silvana Plumacho Meireles (CE) e a palestra “Direitos Culturais no Brasil”, pelo jornalista e escritor Hamilton Parentes de Menezes (CE).

 

Neneart 2

Na noite desta segunda foi realizado do painel que discutiu sobre “Sustentabilidade, economia e mecanismos de fomento” com as palestras “Dos modos de fomento à sustentabilidade na cultura e nas artes”, pela professora Dra. Gisele Marcharia Nussbaumer (BA) e “Sustentabilidade da arte, economia criativa e mecanismos de fomento”, pela professora Dra. Aline Magna Carfoso Barros (CE).

A programação segue nesta terça-feira (28) a partir das 14h com a realização dos painéis “Hábitos e práticas culturais na região Nordeste” com a participação dos palestrantes: Rita Ferreira de Aquino (BA) e Jairo Araújo (PI) e “Representatividade, poéticas identitárias na produção artística e nos públicos”, com os palestrantes Cosme Rogério Ferreira (AL) e Márcio Luiz Marciano (PB).

O Fórum Regional encerra quarta-feira (29), com a realização dos painéis “Cultura digital, juventude e redes de convivências” com os palestrantes Dra. Lilian Carla Muneiro (RN) e Uiraporã Maia do Carmo (CE).

 

Painéis Fórum

Painel – “A cultura na agenda política”

Palestra: “A cultura na agenda política”

Silvana Lumachi Meireles (PE)

 

Palestra “Direitos culturais no Brasil

Henilton Parentes de Meireles (PE)

 

Painel -- “Sustentabilidade, economia e mecanismos de fomento”

Palestra “Dos modos de fomento à sustentabilidade na cultura e nas artes”

Profa. Dra. Gisele Marchiori Nussbaumer (BA)

 

Palestra “Sustentabilidade da arte, economia criativa e mecanismos de fomento”

Profa. Dra. Aline Magna Cardoso Barros (SE)

 

Painel - “Hábitos e práticas culturais na região Nordeste”

Palestra “Como fazer juntos? Práticas colaborativas em mediação cultural”

Rita Ferreira de Aquino (BA)

 

Palestra “Políticas públicas de Cultura e práticas culturais no Nordeste – Retrospectiva e provocações sobre o Brasil recente”

Jairo Gomes Araújo (PI)

 

Painel – “Representatividade, poéticas identitárias na produção artística e nos públicos”

Palestra “A poesia e os movimentos de (re)construção identitária no Nordeste”

Prof. Cosme Rogério Ferreira (AL)

Palestra “A dialética entre representação e representatividade”

Márcio Luiz Marciano (PB)

 

Painel - “Cultura digital, juventude e redes de convivências”

Palestra “Cultura digital, juventude e redes de convivências”

Profa. Dra. Lilian Carla Muneiro (RN)

Palestra “Governança colaborativa e políticas digitais”

Uiraporâ Maia do Carmo (CE)

 

Painel - “Formação e profissionalização do artista”

Palestra “O que é da gente que a gente é?”

Profa. Dra. Gisele Soares Vasconcelos (MA)

Palestra “Visitando futuros: os desafios da formação e do mundo do trabalho para os artistas e profissionais criativos”

Profa. Dra. Raquel Viana Gondim (CE)

 

 

 

 

 

Pagina 1 de 102

Editais

Ações

Parceiros