Logomarca Sesc
Piauí

Apresentações Artísticas

Coco de Zambê contagia público em Teresina

 

coczambe040817

 

A energia contagiante dos integrantes do Coco de Zambê (RN) marcaram  a abertura do projeto Sonora Brasil Sesc na noite desta quarta-feira (03), no Projeto Música para Todos, em Teresina. O grupo se apresentou para uma plateia formada por artistas, estudantes de música e pessoas da comunidade.

A plateia não se conteve e entrou na roda da dança e foram bem recebidos pelos integrantes do grupo, que convidavam as pessoas para participar da brincadeira.

A estudante de Jornalismo, Ana Carolina, 21 anos, ficou encantada com a apresentação. Disse que foi a primeira vez que assistiu a apresentação do Sonora Brasil. “Eu quero conhecer melhor esse projeto, que é muito bonito porque resgata a história das tradições musicais do nosso país.  Achei incrível.  O livro do Sonora tem a história dos grupos e fotos lindíssimas!”, enfatiza a estudante.

Já a funcionária pública, Joselina, funcionária pública, 67 anos,  disse que o ritmo é muito bom, pois mistura a capoeira às tradições da dança regional do Nordeste. Ela revela que não conhecia a dança do coco e que a sensação é de transmissão de muita energia com a dança de roda. “Tem muita energia. Achei bem interessante”.

O representante do grupo, mestre Jorge, disse que o  Sonora Brasil é importante para resgatar a história do país. O grupo iniciou as apresentações na Bahia, onde passou por oito cidades. Passou por duas cidades do Maranhã e chegou ao Piauí, onde já se apresentou em Floriano, Oeiras e Teresina. Nesta sexta-feira (4), o grupo segue para Parnaíba onde se apresenta neste sábado, na comunidade Pedra do Sal. 

Coco do Iguape se apresente no Mercado Central

igua030817

 

 

Os florianenses formam surpreendidos com uma apresentação do Coco do Iguape, na manhã desta terça-feira (2), no Mercado Central.  O grupo do Ceará circula as regiões Norte e Nordeste pelo projeto Sonora Brasil.

Durante quase uma hora, o Coco do Iguape apresentou a dança pulada, feita em pares, um de cada vez no meio da roda. Os instrumentos usados são o caixão (espécie de Cajon), feito de madeira em forma de caixa, o triângulo e o ganzá, espécie de chocalho feito com latas reutilizadas, fabricados pelos próprios integrantes do grupo.

Sob o comandando do mestre Raimundo, o grupo é formado por Chico Cachoeira, Kelvin do Iguale, Renato Cabral, Wellington Monteiro, Gatinho (João Anastácio), Cabouquem (José Ailton), Altamiro Costa e Adonai Ribeiro.

Na noite desta quinta-feira (3) a apresentação será do Coco de Tibei (PE). Será às 19h30 no Teatro Maria Bonita, em Floriano.

 

Coco de Zambê abre Sonora Brasil em Floriano

cocozambe020817

 

A Praça de Eventos de Floriano concentrou dezenas de pessoas que foram assistir a apresentação do Sonora Brasil, na noite desta terça-feira (1º) de agosto. O Coco de Zambê (RN) foi o primeiro dos quatro cocos que se apresentam em Floriano, Oeiras, Teresina e Parnaíba pelo projeto de circulação de  expressões musicais realizado pelo Sesc.

 

Em Floriano, o Sesc contou com a parceria da Secretaria de Infraestrutura que cedeu o espaço e o sistema de iluminação do show de abertura do Sonora Brasil. O Sesc também recebeu apoio da loja Veloso Eletromóveis  que cedeu um carro de som para divulgar o Sonora Brasil nas ruas do centro da cidade.

 

Formado apenas por homens, o Coco de Zambê tem suas referências no município de Tibau do Sul, litoral do Rio Grande do Norte. O ritmo chegou ao local pelos africanos escravizados, chegando aos engenhos de cana-de-açúcar e as colônias de pescadores.

 

Os movimentos da dança lembram os passos de capoeira e do frevo. No Coco de Zambê estão presentes dois tambores: o zambê, também conhecido  como pau furado ou oco de pau, que é maior e mais grave e o chama, feito artesanalmente com troncos de árvores da região.

 

Nesta quarta-feira (2),  em cartaz o Coco de Iguape, a partir das 19h30 no Teatro Maria Bonita. A entrada será 1 kg de alimento não perecível que será doado ao programa Mesa Brasil Sesc. Os shows vão até o dia 4 de agosto, às 19h30 no Teatro Maria Bonita, em Floriano.

 

 

Sonora Brasil em Floriano

 

Dia 01/08 às 19h30 - Coco de Zambê – Praça de Eventos

  

Dia 02/08 às 19h30 - Coco do Iguape – Teatro Maria Bonita

 

Dia 03/08 às 19h30 - Coco de Tebei    - Teatro Maria Bonita

 

Dia 04/08 às 19h30 - Samba de Pareia – Teatro Maria Bonita

Hiran Delmar no Sesc Riso em Oeiras

 coxinha

 

Um dos maiores humoristas do Brasil, Hiran Delmar – o famoso Coxinha foi a atração do Sesc Riso em Oeiras no show que leva o nome do artista, realizado na noite deste sábado (29), no Sesc Oeiras. A noite teve ainda música ao vivo de Erivan Fontes cantando mpb.

Foi a primeira vez que o humorista cearense se apresentou em Oeiras para uma plateia cheia de entusiasmo. Hiran Delmar é natural do Ceará e já se apresentou em todos os estados do Brasil e o seu show faz muito sucesso.

O humorista é conhecido pela irreverência e o talento de criar mais de 50 personagens consagrados pelo público, dentre eles o mais conhecido, o Coxinha, Bebel do Jereissati, Seu Silva, Zunin Zoião, Bia Sflait, Décio Rola, que fazem sucesso em todo o Brasil. São quase 30 anos de carreira no rádio, TV e nos palcos.

O show de Hiran Delmar é para a família inteira. Ele arranca risadas de crianças e adultos com humor inteligente, versátil que já lhe rendeu o prêmio de melhor humorista do Ceará por três vezes.

O show começou por volta das 20h40. Quando Hiran Delmar entrou no palco, o público contagiou o público. Foram duas horas de show com brincadeiras, interações com o público e muitas piadas. A apresentação do Coxinha foi uma das mais aguardadas, arrancando boas risadas da plateia.

 

 

 

Coco de Zambê abre programação do Sonora Brasil

 

CocoZambe

 

O Coco de Zambê (RN) abre a programação das apresentações do Sonora Brasil Sesc no Piauí. O show de abertura acontece dia 1° de agosto, às 19h30, na Praça de Eventos, em Floriano. Na sua 20ª edição, o Sonora Brasil circula com quatro cocos e terá apresentações em Floriano, Oeiras, Teresina e Parnaíba.  Os shows são livres para todos os públicos.

Floriano será a primeira cidade do Piauí a receber os shows, realizados de 1 a 4 de agosto. Depois os grupos seguem para Oeiras (2 a 5 de agosto), Teresina (3 a 6 de agosto) e Parnaíba (5 a 8 de agosto).

O Coco de Zambê é uma expressão cultural praticada no município de Tibau do Sul, litoral do Rio Grande do Norte, que chegou aos engenhos de cana-de-açúcar e colônias pesqueiras da região por intermédio de africanos escravizados.

A música se caracteriza com um canta responsorial puxado pelo mestre e respondido pelo coro de vozes, e dança acontece numa roda que mantém no centro os tocadores. Os brincantes se revezam reverenciando o tambor e realizando passos livres de grande energia que lembram movimentos da capoeira e do frevo. Uma de suas principais características é o fato de ser praticado apenas por homens.

 

Pagina 10 de 102

Editais

Ações

Parceiros