Logomarca Sesc
Piauí

Educação

A diretriz básica do SESC durante toda a sua história tem sido a de que os serviços prestados à sua clientela devem transcender em seus resultados às necessidades imediatas a que se destinam. Nesse sentido, os documentos orientados do trabalho social do SESC preocuparam-se em enfatizar que os serviços prestados devessem ter um caráter educativo que permitisse o enriquecimento espiritual dos indivíduos, e deste modo, contribuíssem para que se tornassem agentes ativos e conscientes do processo de desenvolvimento político, econômico e social brasileiro. Se esta orientação se tem demonstrado correta e deve ser mantida, observa-se, no entanto, que as alterações ocorridas na sociedade brasileira nas últimas décadas exigem que o SESC, a par de reforçar realmente o caráter educativos dos serviços prestados à clientela nos distintos segmentos que constituem o campo do bem-estar social, enfatize de forma significativa sua ação no campo da educação, face aos compromissos que tem com o desenvolvimento nacional, e no apoio aos menos favorecidos no seu processo de autodesenvolvimento.

Este chamamento maior ao SESC para uma atuação mais expressiva no campo da educação decorre da constatação de que o acelerado processo de transformações que a sociedade brasileira e mundial têm passado nos últimos anos exige dos indivíduos habilidades específicas que lhes permitam agir de maneira mais eficaz, interpretando e reavaliando a todo o momento informações e conhecimentos, sob pena de serem alijados deste processo de transformação social, tornando-se cidadão de segunda classe, obstáculo á passagem do Brasil para os padrões de uma sociedade desenvolvida.

Assim, a educação apresenta-se como o processo social por excelência, para dotar os indivíduos da estrutura mental capaz de torná-los eficientes no seu autodesenvolvimento, de produzirem respostas às suas necessidades e à de seus familiares e de se tornarem cidadãos capazes de participar de forma afirmativa da vida econômica, política e sócio-cultural do País.

Tendo em vista, entretanto, que o sistema educacional brasileiro, mormente no âmbito da educação pública, não vem sendo capaz de responder eficientemente aos objetivos a que se propõe, e que é a esse segmento da rede de ensino que parcela expressiva da clientela do SESC tem que recorrer, face às suas limitação, econômicas, para atender aa suas necessidades no campo da educação formal, é imperioso, portanto, que a Entidade, em respeito ás suas origens e destinação, desenvolva ações de suporte e complementaridade que visem á imprescindível melhoria da qualidade desse ensino.

Ao mesmo tempo, como resposta à demanda de sua clientela por uma educação de qualidade, o SESC deverá concertar sua ação no atendimento aos dependentes dos comerciários assumindo uma ação pedagógica voltada para a Educação Infantil, aos comerciários que necessitem de suplência e àqueles que busque o aperfeiçoamento ou maior qualificação funcional.

Veja abaixo as últimas notícias relacionadas ao programa Educação:

Educadores apresentam carta compromisso para 2015

 

 semapedd

Documento foi lido por representantes dos centros educacionais do Sesc, no final dos trabalhos da XV Semana Pedagógica

Após quatro de dias de capacitação, apresentações de projetos exitosos e palestras – na XV Semana Pedagógica,  os professores dos centros educacionais apresentaram uma carta compromisso de cada centro para 2015 visando novas práticas na educação e reforçando o compromisso de melhorar ainda mais a educação no Sesc.

O documento foi lido por cada representante de centro educacional, no fechamento dos trabalhos da Semana Pedagógica realizada pelo Sesc de 19 a 23 de janeiro, no Centro de Convenções do Sesc Praia, em Luís Correia. O evento teve a participação das técnicas do Departamento Nacional do Sesc, Gilvânia Porto e Rosa Helena Nascimento, ministrantes das oficinas realizadas na Semana. O diretor Regional do Sesc, Francisco Campelo Filho, participou da solenidade de abertura do evento.

A ideia é estabelecer um diferencial na formação dos professores e na prática do trabalho de cada centro educacional do Sesc.  A entidade mantém escolas de educação infantil, ensino fundamental e projeto Habilidades de Estudos,  nas cidades de Teresina, Parnaíba, Floriano e nos centros educacionais do Sesc Ler, que também promove a educação de jovens e adultos nas cidades de Acauã, Guaribas, Piripiri, São João do Piauí e São Raimundo Nonato.

“A Semana Pedagógica é um momento para socialização de projetos desenvolvidos nos centros educacionais, apresentação de propostas e sugestões e também a realização de oficinas de capacitação dos professores”, explica a coordenadora Regional de Educação do Sesc.  

Ao logo da Semana foram apresentados projetos exitosos na educação infantil, projeto habilidades de estudos, ensino fundamental e na educação de jovens e adultos.  Segundo a coordenadora de Educação do Sesc, o Piauí vai apresentar um projeto destacado na Semana Pedagógica,  no Encontro Nacional de Educação, promovido pelo Departamento Nacional, com a participação de todos os regionais.

 

 

Professores do Sesc Ler participam de capacitação

 

 formapro

Formação de professores do Sesc Ler Piripiri destaca jogos e brincadeiras 

Professores do Sesc da Educação e Jovens e Adultos (EJA) e do projeto Habilidades de Estudos do Sesc Ler Piripiri terão curso de formação com temática jogos e brincadeiras. Serão três dias de capacitação – 7 a 9 de janeiro no próprio Centro Educacional.

 

A temática será destaque no projeto pelos benefícios que os jogos e as brincadeiras proporcionam. “Não é mero entretenimento. Os jogos e as brincadeiras favorecem o desenvolvimento físico, cognitivo, afetivo e principalmente a interação e o respeito pelos amigos”, explica o diretor do Sesc Ler Piripiri, Washington Moura.

            A ideia é estudar, discutir e orientar os professores em relação ao jogo e a brincadeira, desenvolvidos diariamente nas atividades que envolvem as áreas do conhecimento nas turmas de EJA e no projeto Habilidades de Estudos.

            O curso será ministrado pelo educador físico, Maurício Reis, e vai proporcionar novos conhecimentos aos projetos do Sesc Ler, que atuam no projeto Brincando nas Férias. Serão trabalhadas atividades de ping pong, badminton, ultimate frisbee (jogo que utiliza um prato ou disco para arremessos a trave), goalball (usa vendas e uma bola contendo objetos que fazem ruídos para o jogador orientar-se na quadra) e bocha (jogo de arremesso de bolas a um determinado alvo).

            A brincadeira desenvolve a criatividade, autoconfiança, autonomia, expande o desenvolvimento da linguagem, pensamento e atenção. O lúdico propicia situações prazerosas, ajuda a desenvolver o intelecto, promovendo o enriquecimento interior do aluno. 

Projeto orienta estudantes sobre higiene corporal

 

 

 saudecorpo

 

 

A equipe de Educação em Saúde leva palestras expositivas para salas de aula com orientações sobre higiene corporal e bucal.

 

Palestras expositivas em sala de aula, discussões sobre a sequência e a forma correta de fazer a  higiene corporal e bucal. As orientações foram passadas aos estudantes do Sesc Centro Educacional de Floriano, dias 20 e 21 de março, na programação do projeto Saúde do Corpo.

 

O projeto é desenvolvido pela equipe de Educação em Saúde do Sesc Floriano e orienta as crianças sobre cuidados com a saúde. A palestrante Joseane Costa utilizou mostra de material de higiene como tesoura, papel toalha, papel higiênica, pente para piolho, sabonete, shampoo, creme dental, escova, fio dental e demonstrou os passos para um banho correto.

 

A atividade teve ótima repercussão entre os alunos, que demonstraram grande interesse pelo tema, participando perguntas e pedindo orientações para a limpeza correta do corpo e da higiene bucal. 

Escola do Sesc vai realizar matinê

 

 

 

carnainfant

 

O Salão de Eventos do Sesc Ilhoas receberá decoração especial para a matinê carnavalesca dos mais de 500 estudantes do Sesc Centro Educacional de Teresina. A matinê acontecerá sexta-feira, dia 28 de fevereiro, a partir das 10h para os alunos do turno manhã e às 15h para os alunos da tarde. 

Segundo a coordenadora da Educação Infantil do Sesc, professora Ester Moraes, a festa vai começar após o lanche das crianças e segue até o horário da saída dos alunos. Ela disse que os pais podem participar da festa.

Antes da matinê, os alunos vão estudar a tradição do carnaval e sua evolução ao longo dos anos. Algumas turmas confeccionarão fantasias e adereços que serão usados durante a festa. Ester Moraes, disse que os alunos da  educação infantil vão participar de um desfile de fantasias. Os pais dos alunos vão poder participar da matinê.

Brincadeiras e dinâmicas no Sesc Marquês

marqq

 

Brincadeiras, dinâmicas, contação e releituras de histórias em sala de aula marcaram o primeiro dia de atividade no Sesc Centro Educacional “Prof. Marcílio Flávio Rangel”, no bairro Marquês, em Teresina. A escola do Sesc atende cerca de 240 crianças por meio do Programa de Comprometimento e Gratuidade (PCG). São seis turmas em cada turno, tendo em média 25 alunos por classe.

Na turma do 1º ano do ensino fundamental, a professora Teresinha Ferraz, iniciou com uma conversa com os alunos apresentando as regras da escola, deveres e normas de convivência em sala de aula. Depois ela contou a história da Galinha Choca e pediu para que as crianças fizessem desenhos sobre a história.

Após a atividade, a turma seguiu para o lanche no pátio da escola e retornou para mais atividades e dinâmicas em sala de aula. O pequeno Pedro Rafael Prado, 5 anos, aluno da turma disse que gostou muito de desenhar a personagem da história contada pela professora.

Na turma da educação infantil, no grupo 3, a professora também contou histórias infantis e pediu para que os alunos desenhassem o mais gostaram da história. Em seguida pregou os desenhos na parede da sala.

Ao falar sobre o primeiro dia de aula, uma das coordenadoras da escola, Ivanara Gomes, disse que nesta terça-feira, o Sesc Marquês vai realizar dinâmicas com as turmas no pátio da escola. 

Sub-categorias

Editais

Ações

Parceiros