Logomarca Sesc
Piauí
eskort alsancak escort izmir fantezi escort bayan escort izmir

Educação em Saúde

Palestra sobre Saúde mental para colaboradores do Sesc

mms 2

 

Os colaboradores do Sesc assistiram, hoje (23) a palestra “Saúde mental em tempos de pandemia”, ministrada pela psicóloga Marcelle Formiga. A livre foi transmitida pela plataforma Microsoft Teams e teve bastante interação dos funcionários.

Marcelle Formiga abordou temas como tristeza, transtorno de ansiedade, transtorno de pânico, depressão, dentre outras doenças psíquicas que acometem as pessoas, agravadas com a pandemia. Segundo a psicóloga, a prática da caminhada funciona como um antidepressivo natural. Ela orientou os colaboradores a praticarem atividades físicas como caminhadas diárias para reduzir estresse, cansaço e regular as funções do organismo.

mms 4

 

O diretor Regional do Sesc, Francisco Campelo Filho, agradeceu a participação dos colaboradores durante a live do Sesc. “A palestra esclareceu muitos pontos e tranquilizou os colaboradores na retomada às atividades”, comenta, ao defender que a equipe de funcionários do Sesc deve enfrentar a pandemia com a perspectiva otimista.

 

mms 3

 

A Supervisora de Pesquisa, Formação e de Bem Estar do Sesc, Juliana Leal, disse que a live com a psicóloga Marcelle Formiga foi realizada para atender pesquisa entre os colaboradores do Sesc no Piauí, sobre os sentimentos durante a pandemia. A palestra aconteceu dentro da programação do Setembro Amarelo, campanha brasileira de prevenção ao suicídio, iniciada em 2015 com o objetivo de informar a população sobre o tema.

 

 

mms 1

 

Sobre Marcelle Formiga 

Marcelle Formiga é psicóloga especialista em Psicologia Hospitalar, psicodramatista, consteladora familiar e gestalt terapeuta, com sólida experiência nas áreas clínica, hospitalar e docência. A profissional também é Mestre em Psicologia Clínica.

Exército ajuda a montar cestas do Mesa Brasil Sesc

 

exercest 1

 

Soldados do 2º Batalhão de Engenharia e Construção “Heróis do Jenipapo” iniciaram hoje (21) a montagem das 1.935 cestas de alimentos arrecadadas pelo Sesc por meio do projeto Fome de Música e serão doadas pelo programa Mesa Brasil.

 

exercest 4

 

De acordo com a coordenadora do Programa Mesa Brasil Sesc no Piauí, Lícia Brandão, a parceria com o Exército Brasileiro vai garantir a lojista da montagem das cestas ao longo desta semana. Ela ressaltou o apoio do comandante do 2º BEC, Marcelo Florentino Borlina, que destacou um grupo de 20 soltados e um sargento para realização dos trabalhos.

 

exercest 5

As cestas de alimentos foram viabilizadas por meio de repasses financeiros das lives com a participação de cantores nacionais. Os recursos foram repassados pelos regionais do Sesc em Minas Gerais, Goiás e Distrito Federal. O Sesc Mato Grosso também enviou recursos de suas campanhas de arrecadação, que viabilizaram a aquisição de fardos de flocos de milho.

 

exercest 2

 

Os gêneros alimentícios serão distribuídos em Parnaíba e Teresina para instituições sociais cadastradas no Mesa Brasil Sesc. Na capital serão atendidas instituições como o Abrigo São Lucas e o Lar da Esperança.

 

exercest 3

 

 

Projeto do Sesc distribuirá 5 mil máscaras de tecido

 

mascarpr 1

 

Cerca de 20 costureiras de Parnaíba, alunas e egressas dos cursos de Corte e costura vão confeccionar 5 mil máscaras de tecido para serem distribuídas pelo programa Mesa Brasil Sesc.

As máscaras serão distribuídas em Parnaíba para as pessoas assistidas em 40 instituições social cadastradas no programa Mesa Brasil Sesc.

mascarpr 2

 

A ação integra projeto do Departamento Nacional do Sesc visando atender as famílias em situação de vulnerabilidade social, agravada pela pandemia do Covid19.

Nesta sexta-feira, (18) foi realizada uma reunião com a participação da gerente do Sesc Avenida, Amanda Pinto, e as costureiras que vão atuar no projeto. A produção inicia já esta semana sob a coordenação do Setor de Cursos de Valorização Social do Sesc. Cada costureira confeccionará 250 máscaras.

 

mascarpr 3

A ideia é estimular os grupos produtivos e pessoas egressos dos cursos do Sesc a adquirirem uma renda extra com a confecção de máscaras de tecido 100% algodão. As máscaras caseiras são recomendadas pela Organização Mundial de Saúde (OMS) para população saudável e assintomática como forma de proteção contra contaminação viral.

As costureiras receberam orientações sobre a importância da máscara como equipamento de proteção, seguindo as orientações do Ministério da Saúde.

 

Valdeci Cavalcante anuncia criação de Banco de Olhos

 

bancoo 5

 

Uma parceria inédita entre o Lions Clube, Sesc e o Hospital de Olhos Francisco Vilar proporcionou a criação de um Banco de Olhos no Piauí. O anúncio foi feito hoje (14) pelo presidente da Fecomércio Sesc Senac no Piauí, Valdeci Cavalcante, durante encontro com integrantes do Lions Clube Teresina Cidade Verde, na Administração Regional do Sesc.

A criação da Fundação Lions Banco de Olhos é um marco na história da oftalmologia. “Esse banco vai ter uma repercussão mundial. Todos vão saber que no Brasil, no Piauí, em Teresina existe um Banco de Olhos que atende as pessoas que estão na fila do transplante de córnea”, destaca Cavalcante.

O programa Banco de Olhos do Lions Cube Internacional está presente em nove países em quatro continentes. Os bancos recuperam, avaliam e distribuem tecido do olho humano para a restauração da visão, pesquisa e educação.

 

bancoo 4

 

O Brasil possui mais de 40 mil pessoas na fila do transplante de córnea. No Piauí, 402 pessoas entre adultos e crianças estão na fila de espera de mais de um ano. No mundo 253 milhões de pessoas são cegas ou têm deficiência visual, 89% delas vivem em países em desenvolvimento, com é o caso do Brasil. É aí onde entra o trabalho que a Fundação Lions desenvolve, tendo por objetivo estratégico conter a cegueira evitável e melhorar a qualidade de vida das pessoas cegas e portadoras de deficiências visuais.

Segundo a diretora Administrativa do Hospital Francisco Vilar, Raquel Vilar, o Banco de Olhos deve ser instalado até o final de 2020 e funcionará nas imediações do Hospital de Olhos Francisco Vilar. O Banco vai realizar transplantes de córneas, residências médicas e desenvolvimentos de pesquisas no Piauí.

 

 

bancoo 1

Sobre o Lions

O Lions Clube é uma entidade pioneira no combate à cegueira no mundo. Atua há mais de 100 anos acolhendo pessoas, focado principalmente em causas como visão, meio ambiente, câncer infantil e fome.

Conta com 45 mil clubes distribuídos em 200 países e regiões. Atua principalmente em cinco causas globais: diabetes, visão, meio ambiente, câncer infantil e fome.

 

bancoo 2

 

Sobre o Sesc

O Sesc é uma entidade criada e mantida pelos empresários que há 74 anos presta assistência nas áreas de Saúde, Educação, Cultura, Lazer e Assistência. São mais de 580 unidades que oferecem serviços e ações para melhorar a qualidade de vida dos brasileiros. No Piauí são 25 unidades entre centros de atividades e unidade móveis.

 

Sobre Hospital de Olhos Francisco Vilar

O Hospital de Olhos Francisco Vilar é um dos mais modernos centros de oftalmologia do Brasil, com estrutura e serviços de primeiro mundo, sofisticados equipamentos e uma equipe acolhedora e altamente qualificada. Há 40 anos de atuação no Piauí alcançou relevância pela eficiência e qualidade nos serviços prestados, como um dos mais completos centros de prevenção, diagnósticos e tratamentos da visão no Brasil. Seu pioneirismo é reconhecido em todo o Norte-Nordeste do país.

 

Live abordará saúde mental na pandemia

Valkir

 

 

A quarentena trouxe efeitos psicológicos negativos como problemas com a produtividade, desgaste e vulnerabilidade emocional. As pessoas acima de 60 anos foram as mais atingidas por conta de serem consideradas grupo de risco de contágio do coronavírus. Para amenizar os efeitos da pandemia e promover ações de contato social, de forma virtual, o Sesc vem realizando atividades para as pessoas da terceira idade.

Nesta segunda-feira (14) o Sesc no Piauí realiza mais uma live para os integrantes dos grupos da Terceira Idade atendidos pelo Trabalho Social com Idosos. A renomada psicóloga Waleska Barros ministrará a palestra “Trabalhando a saúde mental dentro do isolamento físico”, em live no Youtube do Sesc no Piauí, às 10h.

A psicóloga abordará as dificuldades que o isolamento físico tem ocasionado à condição humana, picos de ansiedade e a importância do toque para a saúde física, mental e emocional.

 

Sobre Waleska Barros

Psicóloga, mestre em Psicologia Organizacional pela Unifor, especialista em Tanatologia, Terapia Cognitivo-comportamental e Saúde Mental, especialista em prevenção e pós-venção em suicídio. Psicóloga clínica da Psicocenter e do Espaço Saúde, em Cocal, psicóloga da Secretaria da Saúde de Ilha Grande. Docente da Uninassau e do Instituto Dexter.

 

 

Sobre o TSI

O Sesc no Piauí tem expertise na assistência à pessoa idosa, com mais 30 anos de atendimento direto às pessoas acima de 60 anos, atendidos em dois grupos: Viva Vida (Teresina) e Vida Nova (Parnaíba), onde são assistidas mais de 500 pessoas com ações de lazer, cultura, entretenimento e socialização.

O Trabalho Social com Idosos é pioneiro na assistência às pessoas com mais de 60 anos, tendo suas ações reconhecidas pela Organização das Nações Unidas (ONU). Atua no Brasil há 40 anos e atende 60 mil pessoas por ano.

 

 

Atividades do TSI no Piauí

Oficina da Memória

Aulas de teatro para Terceira Idade

Aulas de canto coral para Terceira Idade

Passeios e festas em datas comemorativas

Pagina 1 de 30

Editais

Ações

Parceiros

çeviri malatya oto kiralama parça eşya taşıma şehirler arası nakliyat Malatya havalimani oto kiralama ofis taşıma evden eve nakliyat büyü aşk büyüsü ayırma büyüsü medyum medyum şikayetleri medyum yorumları büyü aşk büyüsü bağlama büyüsü medyum dolunay medyum aşk büyüsü medyum medyum şikayetleri medyum yorumları metal galvanizli sac paslanmaz sac metal hrp sac paslanmaz çelik seo web tasarım hazır web sitesi astropay bozdurma papyonshop sex shop istanbul sex shop astropay kart bozdurma depolama viagra sipariş cialis 20 mg